Quem somos

 

Somos contadores de histórias. No cinema, nas séries, no teatro, na publicidade, no brandedcontent e nas artes visuais a Café Royal vive seu dia a dia. Nossa alma é de pensamento, de valores humanos, de entendimento, de grupo. Nosso objetivo é contar histórias que se comuniquem, transformem, emocionem.

Adriana Tavares

Como produtora executiva da MTV foi responsável por mais de 50 programas dentre os quais VMB, Acústico MTV Arnaldo Antunes, MTV ao vivo Jorge Ben, Show do Legião Urbana com participação de Wagner Moura, e a série de ficção A Menina Sem Qualidades, dirigido por Felipe Hirsch. Na TV Globo desenvolveu a série “Meu Amor Platônico“, de Felipe Hirsch e produziu durante três anos materiais especiais para o Criança Esperança. Para o canal GNT produziu “Edifício Paraíso “ dirigido por Pedro Amorim e o “O Amor é Lindo” dirigido por Andrea Cassola. Para o canal Multishow o programa “Tô de graça”, dirigido por Marco Rodrigo. No cinema produziu os documentários “Pagliacci” 2017 e “Vida em Movimento” 2019. Atualmente finaliza o longa-metragem 45 do segundo tempo de Luiz Villaça, e os documentários “Do Amor Ninguém Foge” e “Samadhi Road” de Julio Hey.

Georgia Guerra-Peixe _Joca

Joca trabalha desde sempre com a pesquisa de novas linguagens e novos caminhos para contar histórias. Se especializou e construiu sua carreira em cima da linguagem documental para publicidade, batizada como “docvertising”. Dirigiu mais de 1000 filmes publicitários e inúmeros projetos de branded content. Em 2011 estreou o longa documentário “O Samba que Mora em Mim”.
Na arte contemporânea atua, desde 2015, como curadora e diretora do projeto ATRAVES\\ onde produziu mais de 400 mini documentários sobre o processo criativo de artistas.

Julio Hey

Em 2017, lançou seu primeiro documentário, Pagliacci (GloboNews e Canal Brasil). Em 2018 foi produtor associado do filme Híbridos, de Vincent Moon e Priscilla Telmon, um filme que mergulha na cultura Sagrada brasileira através da música, exibido no MOMA em NY, no Barbican em Londres, no IDFA em Amsterdam.

Luiz Villaça

No cinema dirigiu e roteirizou os longas: Por trás do Pano (1999), Cristina quer casar (Fox / 2003), O Contador de Histórias (Warner / 2009) e De Onde Eu Te Vejo (Warner Bros. / 2016 Em 2017, lançou o documentário Pagliacci (Globo News e Canal Brasil). Para TV, criou e dirigiu vários programas para a GLOBO, como: Retrato Falado, Copas de Mel, Dias de Glória, Te Quiero América, Norma e A Mulher do Prefeito, série indicada ao Emmy Internacional 2014. Em 2013 e 2014, criou e dirigiu duas temporadas da série 3 Teresas para a GNT. E em 2015, criou e dirigiu 
 a série Vizinhos para a GNT. No teatro, assina a direção das peças A Visita da Velha Senhora (2017), de Friedrich Durrenmatt, A Descida do Monte Morgan (2013), de Arthur Miller e Sem Pensar (2011), de Anya Reiss. Além de produzir A Alma Boa 
de Setsuan (2009) e Galileu Galilei (2015), ambas de Bertold Brecht. Atualmente, Luiz Villaça finaliza seu próximo longa- metragem, 45 do Segundo Tempo (Paris Filmes).

Moa Ramalho

Produtor executivo no cinema, tv e publicidade, Moa tem no seu histórico filmes 
como “Brincando nos Campos do Senhor”, de Hector Babenco, “País dos Tenentes”, de João Batista de Andrade, “Feliz ano Velho”, de Roberto Gervitz, “Antonia”, de Tata Amaral e “Elis”,de Hugo Prata.
Na TV produziu para o canal Turner o programa Fashion TV por diversas cidades do mundo e 
“Um Dia Com”. Para o canal OFF, produziu “Filhos Deste Solo”. Na música produziu vários DVDs especiais como: “Mutantes no Barbican” em Londres, “Redescobrir” com Maria Rita, e “Rua dos Amores” com Djavan. Na publicidade é responsável pela produção executiva de mais de 20 projetos de
branded content e 1500 filmes publicitários.

Smiley face